Prezado Colega Oftalmologista,

Sabendo que a única maneira de conseguirmos manter a excelência na prestação de serviço Oftalmológico e a existência de equipes de saúde ocular reintegrados e sob a responsabilidade controle direto do oftalmologista, estamos promovendo o Curso em anexo que visa preparar técnicos de nível médio a cumprirem melhor tarefas que nos possibilitem a maximizar os serviços médicos com todo o rigor ético e profissional e dentro da delicada equação do custo-benefício a que todos estamos sujeitos tanto na instituição pública quanto privada.

A avaliação da qualidade é fortemente influenciada pela tecnologia empregada, e também pela percepção da competência profissional no desenvolvimento de procedimentos operacionais e principalmente do bom relacionamento que os diferentes integrantes da equipe vêm com os pacientes e seus familiares.

A SPDM Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina que há 78 anos fundou a Escola Paulista de Medicina e o Hospital São Paulo, cria o primeiro “Curso de formação de Auxiliar Técnico em Processos Oftalmológicos” para preparar colaboradores com nível médio no auxílio da execução de exames oftalmológicos, com informação sobre aspectos relevantes da saúde ocular e entendimento da atitude e comportamento profissional adequado.

O curso técnico ocorrerá em parceria da SPDM com o serviço de Oftalmologia do Hospital São Paulo e o Instituto da Visão, de acordo com o programa, com 56 horas de duração.

 
 

I. PROFISSIONALIZAÇÃO

1. Profissões que atuam na Saúde Ocular
2. Comportamento ético e nível moral
3. Ser parte do elenco sem ferir a padronização – empowerment
4. Técnicas da comunicação verbal
5. Técnicas da comunicação escrita digital - etiqueta
6. Criando a imagem profissional - aparência
7. Conceitos de Administração em Saúde
8. Relacionamento com pessoal de apoio
9. Relacionamento com pessoal de processos clínicos
 
II. ANATOMIA E FISIOLOGIA DOS OLHOS
 
III. NÍVEIS DE ATENÇÃO À SAÚDE OCULAR
1. Atenção primária: saúde ocular comunitária
2. Atenção secundária: afecções oculares mais freqüentes e avaliação clínica
3. Atenção terciária: especialidades médicas e exames especializados
 
IV. HABILITAÇÃO E AUXÍLIO EM EXAMES ESPECIALIZADOS
1. Limitações técnicas e operacionais do profissional: execução ou auxílio
2. Subjetividade da informação e objetividade técnica
3. Som, luz e imagem nos exames especializados
4. Habilidade e qualidade no resultado dos exames especializados
5. Habilitação em auxílios teóricos a profissionais na realização de exames
a. Alimentação do banco de dados
b. Informações básicas do paciente para início de exames
c. Medida da acuidade visual
d. Tela de Amsler
e. Lensometria
f. Tonometria pneumática (ar)
g. Autorrefrator
h. Teste de cores
i. Estereopsia
j. Perimetria
k. PAM – Medida do potencial de acuidade
l. Auxiliando no exame de Paquimetria
m. Auxiliando no exame de Topografia
n. Auxiliando no exame de Biometria ocular óptica e ultrassonica
o. Auxiliando no exame de sensibilidade ao contraste e glare
p. Auxiliando no exame de Microspcopia especular
q. Auxiliando no exame de Retinografia
r. Auxiliando no exame de Orbscan
s. Auxiliando no exame de Pentacam
t. Auxiliando no exame de Aberrometria
u. Auxiliando no exame de OCT
v. Auxiliando no exame de Ultrassonografia
 
V. AUXÍLIO EM PROCEDIMENTOS CIRÚRGICOS
1. O ambiente cirúrgico
2. Aspectos gerais das cirurgias mais freqüentes
3. Orientação pré e pós-operatória do paciente
 
VI. RELACIONAMENTO COM FONTES PAGADORAS
1. Convênios, seguradoras, operadoras
2. Guias
3. Glosas
 
 
 
Selecionamos Médicos, Tecnólogos Oftálmicos e Enfermeiros reconhecidos no mercado oftalmológico, com excelente formação e titulação acadêmica, experientes na formação de recursos humanos.
 
 
 
 
 

>> Ensino médio completo

>> Carta de apresentação do Médico Oftalmologista, Gestor de Clínica ou Hospital onde o candidato a aluno trabalha.
 
 
 
R$1.300,00 por aluno, parcelado 4 mensalidades de R$325,00, com cheques em nome Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina
 
 
 
 
 
 
Será dado certificado de assistência ao Curso para os que tiveram mais de 70% de presença e forem aprovados na avaliação final que constará de prova do conteúdo programático e também de resposta do questionário de avaliação pelo médico Oftalmologista que fez a indicação do aluno ao curso.
 
 
 
Os pedidos de inscrição serão feitos pelo email
 
NO E-MAIL DEVEM CONSTAR AS SEGUINTES INFORMAÇÕES:

>> Nome do Médico Oftalmologista responsável pelo Candidato e CRM

>> Endereço Comercial
>> Telefone para contato
>> Nome(s) do(s) Candidato(s) a Aluno do curso
>> Grau de escolaridade do(s) Candidato(s) a Aluno do curso
>> Função atual do(s) Candidato(s) a Aluno do curso no serviço de Oftalmologia responsável
 
 
Reconhecemos nossa responsabilidade e dedicação necessária ao(s) seu(s) Colaborador(es) para orientá-lo(s) nesta atividade auxiliar. Contamos com o seu voto de confiança.

Abraço,
 
Rubens Belfort Jr.
Presidente da SPDM
Denise de Freitas
Chefe do Departamento de Oftalmologia da UNIFESP